O deputado da inovação

Quando Prefeito foi considerado inovador e com visão de futuro, quando implantou o Parque Tecnológico de Sorocaba. O local tem como objetivo disseminar a cultura da inovação e empreendedorismo para o desenvolvimento sustentável de Sorocaba e região por meio da articulação entre o poder público, IES (Instituições de Ensino Superior) e o setor empresarial/indústrias, acelerando a transformação do conhecimento em riqueza.

O Parque é um espaço para que empresas, universidades e institutos instalem laboratórios de pesquisa para desenvolverem novos produtos ou serviços, gerando melhorias na qualidade de vida da população.

Saiba mais sobre o Parque Tecnlógico clicando aqui.

 

E AINDA

  • Criou o Poupatempo da Inovação

  • Assinou a Lei de Incentivo à Inovação

  • Criou o Espaço Empreendedor

Hoje, como deputado federal, participa ativamente de várias Comissões na Câmara Federal, muitas delas ligadas à tecnologia e inovação como estas:

  • COMISSÕES DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA

  • COMISSÃO DE MINAS E ENERGIA

  • COMISSÃO ESPECIAL DA MICRO E PEQUENA EMPRESA

  • COMISSÃO ESPECIAL PARA O MARCO DA ECONOMIA COLABORATIVA

  • COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, INDÚSTRIA, COMÉRCIO E SERVIÇOS

  • SUBCOMISSÃO ESPECIAL DE TELEFONIA MÓVEL

Você sabe o que é uma Comissão Parlamentar??

As Comissões emitem opinião técnica sobre os determinados assuntos tratados na Câmara Federal.  Na ação fiscalizadora, as Comissões atuam como mecanismos de controle dos programas e projetos executados ou em execução, a cargo do Poder Executivo.

É também no âmbito das comissões que se apresentam e se estudam todos os dados, antecedentes, circunstâncias e conveniência de um projeto. Nas Comissões se possibilita que esses aspectos sofram ampla discussão e haja mais liberdade para expressão das opiniões e formação do consenso que, emitido sob a forma de parecer da Comissão, irá orientar o Plenário na apreciação da matéria.

São duas as formas de apreciação: a conclusiva, quando os projetos são apreciados somente pelas Comissões, que têm o poder de aprová-los ou rejeitá-los, sem ouvir o Plenário; e a realizada pelo Plenário propriamente dita, quando este é quem dá a palavra final sobre o projeto, após a análise das comissões.

O deputado apresentou projetos ligados ao desenvolvimento da Internet das Coisas (IOT)

A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei de autoria do deputado que cria no Brasil incentivos para o desenvolvimento da Internet das Coisas (IoT) promovendo o barateamento dos custos de instalação e operação das soluções de Internet das Coisas, elemento crucial para fomentar o desenvolvimento dessa tecnologia no Brasil.

 

De olho no futuro

 

Visionário e preocupado com o futuro, o deputado sai na frente ao buscar o melhor ambiente regulatório para a internet das coisas no Brasil. Sem IoT não existirá Smart City, indústria 4.0, agricultura de precisão, telemedicina, etc.

 

Recentemente ele assinou como coautor de um projeto que cria um Serviço Social e Serviço de Aprendizagem da Tecnologia da Informação e Comunicação (SETIC) para a promoção social e aprendizagem de trabalhadores da categoria econômica, em âmbito nacional.

Trabalho de Lippi resulta na criação da Região Tecnológica em Energias renováveis de Sorocaba

Em parceria com as indústrias e as universidades de Sorocaba, foi criado  a APL - Arranjo Produtivo Local de Energias Renováveis, com o objetivo de incentivar e desenvolver atividades que estimulem a produção, inovação e geração de emprego, impulsionando o setor e tornando a região de Sorocaba uma referência no segmento.

Mais uma luta de Vitor Lippi, a criação do APL junto ao MDIC, Ministério de Desenvolvimento Indústria e Comércio será fundamental para que Sorocaba e a região recebam suporte nacional de desenvolvimento tecnológico ao setor.

A vantagem de Sorocaba entre as demais regiões do Brasil é que o parque industrial já instalado possui líderes globais no segmento de manufatura, aumentando a capacidade produtiva e o potencial econômico do setor.

© 2018 Deputado Federal Vitor Lippi.